Ah, c’mon

Qual é o assunto em voga? A vinda do Papa? Não vou falar do papa. Seguinte: eu estou cansado. As provas e os trabalhos da faculdade estão me matando. Tenho dormido muito, muito mal. E isso não é uma reclamação, é o grito de uma ave de rapina [foi assim que aquela maluca escreveu?]. No próximo mês estarei de férias, o que significa que vou dormir muito e acordar com dor em todo o corpo todos os dias, assistir desenhos animados e a alguns filmes que estão na lista, como Scoop, Maria Antonieta e tais. Vou brincar com o cachorro e me deixar arranhar pelo safado daquele gato. Preciso também colocar algumas leituras em dia. Como o Irmãos Karamazóvi, que comecei mas não terminei. Nunca leia Dostoiévski no ônibus, eu digo. Vou alí, mas volto depois.

9 comments so far

  1. Fran on

    não demora🙂

  2. Antonio Fabiano on

    Eu digo, evite ler Dostoiévski fora do ônibus também, não tem como fazer bem.
    “Vou alí, mas volto depois”
    Vai lá

  3. Antonio Fabiano on

    “Que mundo pra se viver!!”

    Eu já pensei nisso, de sair com uma camisa “100% Branco” e sabe a que conclusão eu cheguei?
    Provavelmente eu seria ameaçado por brancos.

    Abração!

  4. kkkarol on

    Ai…. só de pensar nas suas férias…. vish.
    Tô ferrada….:/

  5. tina oiticica harris on

    Espero que cheguem logo tuas férias. Voltei cedo por causa da gripe brasileira para a qual minha vacina de nada adiantou. Minha saúde desandou no Rio, o ar é péssimo, fumantes pra tudo que é lado.

    Você vai ao show dos Mutantes? Queria ir. 21/4. Hoje ouvi “qualquer bobagem ” no YouTube, bom demais.

    É, bicho, all work and no play makes Jack a dull boy.

  6. Donato on

    Lembro-me da frase toda (ou quase): “sou ave de rapina, irisada e intranqüila”. Algo assim. De qualquer modo, a fórmula ficou gravada em minha memória como exemplo de uma expressão que não quer dizer rigorosamente nada. O fato é que, até hoje, só vi aves de rapina de plumagem uniforme, monótona mesmo; as aves mais coloridas, como o pavão, costumam ser as presas. E acho que as aves de rapina não têm muita razão para inquietação, pois, afinal, elas são as predadoras dos seus ecossistemas e dispõem de um cardápio variado e farto. Imagino que durmam muito devido ao gasto de energia com as caças. Mas eu não entendo nada de biologia.

    E parabéns pelo blogue!

  7. juliana on

    ai. também preciso ler os tais Irmãos Karamazóvi.

  8. jorge nobre on

    Mais é ruim trabalho de faculdade. Dê-me 10 provas, não me dê nenhum trabalho. Quer dizer, agora não precisa, já que me formei. Ganhei o direito de usar a biblioteca da UnB como ex-aluno. Para não dizer que não serviu para nada…

  9. Caio Marinho. on

    Se liga que vão lançar o Grindhouse em dois por aqui?


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: