Je ne suis pas le denier des hommes

Puro machismo

Já quase entramos em abril e comprei, ontem, a Playboy de março para ler o texto do Ruy Goiaba, a entrevista com o Millôr e o artigo do Roberto Jefferson sobre a direita brasileira. As fotos? Ah, as fotos são aperitivos – e eu vou apanhar por isso.

E isso me lembrou que nada supera a mulher quando o assunto é machismo. Todas a quem você diga que comprou uma revista dessas para ler um artigo vão rir da sua cara. Exemplo: quando fui até à banca, perguntei se ainda havia a Playboy de março e a senhora me disse num estalo: “Você quer a de abril, não é não?” Eu disse que não, que precisava da de março devido a alguns textos, etc. Aí a senhora sorriu com a maior malícia e me disse: “mas você vai aproveitar, né?” Outro exemplo que comprova o quanto mulheres são machistas: minha namorada, quando estava lendo O Retrato de Dorian Gray, veio correndo me perguntar se o Basil Hallward e o Dorian eram homossexuais. Parêntesis: sei que há muito homem por aí que acha a mesma coisa, mas eu não achei, e isso na verdade é o que menos importa no livro; já as mulheres ficam intrigadíssimas com a possibilidade de acontecer algo mais entre o pintor e seu modelo. E já que falei do Millôr aí em cima, deixe-me citá-lo:

(…) Hoje as mulheres usam até expressões que não são delas. Dizem “Não enche meu saco”, quando deveriam dizer “Não enche meu útero”. (…) As mulheres jamais conseguirão ser mais calhordas que os homens. Não tem jeito. A filha do Sarney tentou e não conseguiu.

Ademais, toda essa história de a mulher querer igualdade entre os sexos, querer seu espaço-não-sei-onde, querer ser independente etc, etc, não passa de machismo. O feminismo é uma fraude.

18 comments so far

  1. Ana C. on

    Ih…tem gente que vai dormir no sofá hoje….Vai com calma!!

  2. elisabetecunha on

    EDD

    Vê se não enche o meu Útero!!!!!!

    * Comprou pra ver mulher pelada mesmo, assuma!!!!
    bug…………….bug

  3. kkkarol on

    Se a mulher quer independência ela é machista.
    Se quer um homem pra bancá-la é machista.
    Então a mulher não é mulher…. é um homem?!?!?
    Tô confusa….:/
    Vamos ouvir Bruno e Marrone????🙂

  4. marcus on

    Eu não consigo enxergar Basil Hallward e o Dorian Gray homossexuais. Eu sempre achei que havia uma certa tensão sexual entre Lord Henry Wotton e Dorian, e não entre este e seu pintor. E não acredito neles como homossexuais, e sim atraídos um pelo outro, com uma relação maior do que amizade.

    No popular, faltava um empurrãozinho para eles se pegarem.

  5. kkkarol on

    Pra mim o Dorian G(r)ay era Getty (não o images) sim…
    Ter ciúmes de amigo? Daquele jeito? Sei não. =/
    E não é só por que sou mulher que acho isso…

  6. jorge nobre on

    Dizem “Não enche meu saco”, quando deveriam dizer “Não enche meu útero”.

    Na verdade, as expressões puxa-saco, encher o saco e haja saco não tem nada a ver com a anatomia masculina. É que antigamente (não sei se até hoje) os militares em campanha carregavam sacos com suas roupas e outros objetos pessoais, e os bajuladores dos oficiais puxavam os sacos para eles. Daí, a expressão puxa-saco.

    Encher o saco e haja saco devem ter a mesma origem. O fato do povo hoje pensar de modo tão diferente é um sinal de como nós damos uma importância exagerada ao sexo.

  7. tarsischwald on

    É desconfortável para um homem desmascarar a farça do feminismo.
    Nunca conheci uma feminista que fosse bem comida, então.. fica difícil defender.

    kkkrol, suas dúvidas são as dúvidas gerais das mulheres. Minha mulher, a G. vive me dizendo que as mulheres perderam a identidade e as referências. Ao meu ver, mulheres tem que fazer o que querem e a sociedade que se explôda!

    Porque na buena, é só aceitar as diferenças e complementos que essas diferenças acarretam.

    Sim, as mulheres pode fazer tudo o que os homens fazem, mas são biologicamente preparadas pela natureza para tarefas que os homens não podem fazer.

    As mulheres são mais inteligente e mais organizadas, observam detalhes. Os homens são emocionalmente mais firmes (até porque, não tem tantos hormônios e são mais burros) e fisicamente mais fortes.

    A Sociedade ainda é “machista” em alguns aspectos, mais por inércia do que por qualquer outra coisa. Hoje em dia, ninguém está muito preocupado com isso realmente. A igualdade inexiste. Ambos tem seu espaço. E estou muito satifeito que sejamos diferentes, porque as mulheres são criaturas maravilhosas sem a qual não viveríamos.

  8. maria on

    Bom tema. Alturas houve em que foi necessário lutar por direitos. E isso não é feminismo. São direitos humanos (de todos, portanto). Outras alturas se lutou e luta pelas crianças. Também de direitos humanos se fala. Pela liberdade de expressão, religiosa, ideológica, de opção sexual. Tudo direitos humanos. Ser é ser pessoa, não sei que é isso de feminismo. E sou mulher. Naturalizar comportamentos e assumir diferenças de forma sã é ser pessoa. Mais que isso é dar tiros no pé…

  9. Natália on

    “e eu vou apanhar por isso”

    Você nem apanhou, né?
    Quando vc fala que comprou uma revista para ler uma reportagem, eu jamais duvido de vc meu amor. Sei quanta sinceridade há em suas palavras.

    Te amo muito, mas fiquei triste por vc ter ficado com raiva de mim. Me deixou esperando aqui, sentada, e com o coração na mão.
    Me desculpa, tá?

    Beijos,

    Me liga!

  10. Honey on

    realmente
    por mais que tentem não conseguem ser piores q os homens😀

    gostei da fala: não enche meu utero*

  11. Ninja on

    “100% Gray”.

    Morto não pensa, logo não existe. Certo? A pedra também não pensa, mas existe. Certo? E o Dorian, se mantivesse o encanto do quadro, não sofreria as ações físicas do tempo. Certo? O amor pode ser disassociado do sexo, mas o sexo não deveria ser disassociado do amor… Certo? E a liberdade é primordial. E a vida é mesmo cíclica. E as cirurgias estão aí. Mas nada disso importa. E apreciar uma bela obra, sem saber o sexo do autor, de certo que diminui nossas diferenças. Ou não? E vamos todos morrer, velhos e enrugados. E o conteúdo é bem pior, mas ninguém vê. E os corpos, descartáveis, à consciência, universal. E o T, sim, é legítima fraude.

  12. Dael on

    Porra, aconteceu exatamente a mesma coisa comigo por causa dessa mesma playboy. Entrevista com o Millor, coisa e tal, e isso tá na capa. Ora, tem gente que compra por causa dos outros itens presentes na capa, além da persona que a ilustra. A playboy tem disso, ela tenta te provar que os ensaios são só mesmo o “aperitivo” da revista. E até consegue isso. Mas só com homens.

  13. elisabetecunha on

    Edd
    Você encheu meu útero!!!
    grrrrrrrrrrrrr……
    foca!
    ;(

  14. Welcome To The Black Parade on

    Ler?
    0k.

  15. Jean Piter Inzaghi on

    Concordo contigo. Mas ainda sim acho que o Dorian é Gay! rs
    brincadeira!
    Mas o problema do machismo das mulheres é justificado. Hoje homens romanticos, elegantes, galantese sensatos são rarississimos! Logo somos exteriotipados pelo vulgarismo da maioria. Portanto a culpa é bilateral.

  16. j. noronha on

    A última vez que falei sobre feminismo publicaram até post resposta, atualmente me abstenho desse assunto.🙂

  17. Caio Marinho. on

    Cheguei em alguma parte no fim do começo do Dorian Gray. Depois parei de ler pra fazer outra coisa.

    ***

    É questão de doublethink, tem o que saber não:

    Man is woman.
    Woman is man.

    And fuck biology; e o sócio-cultural-histórico-de-sempre tá implícito, obóvio, mas eu tenho que refazer um trabalho ali.

  18. Alessandra Carvalho - Lain on

    hahaha… fala a verdade! vc comprou pra ver alguma peitudinha..rsrsrsr…


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: