Do que se aprende nos ônibus

Eu francamente não entendo quando as pessoas me chamam de preconceituoso. Ontem, tarde da noite, no ônibus p’ra casa, ouvia a conversa de duas moças (fibras fortes). Uma dizia à outra que iria num show de axé, mas que preferiria estar solteira para poder pegar [SIC] bastante. A outra, sabidinha, nos revelou – a mim também, ora – que é besteira resistir; que se fosse ela pegava mesmo [SIC]. E contou uma historinha muito ilustrativa: uma outra amiga tinha ido ao axé no ano anterior e se recusado a ficar [SIC] com um rapaz; e acabou levando um soco para aprender. Para essas pessoas a vida não pode ficar muito melhor que isso.

10 comments so far

  1. Ibrahim Cesar on

    Eu sempre achei que após um fora você devia abaixar a cabeça e tentar seguir em frente sem olhar para trás. Engano meu.

  2. Daniela on

    Oras, pensei que ia encontrar aqui um post sobre as coisas que te irritam, só pra te analizar, mas não foi desta vez.😦
    Sobre as moças…pobres moças…

    Besitos desde la nublada Madrid

  3. elisabetecunha on

    Como gosta de ouvir as conversas alheias, não?
    Deixa as meninas se “quebrarem” no axé.
    Falar nisso vou te mandar um cd do” terra samba”, quer?
    É pegar e levar!
    Ah…..minha música não é nada brega ” é BLUES”, OK?
    tCHAU
    BUG
    BUG!!
    SAUDADE DO SEU VENENO!

  4. Axezeira (?) on

    Utilidade Pública: Agora o caboclo que quiser beijar uma garota à força pode ser preso! É só chamar um policial de plantão (se encontrar algum) que o camarada vai dar beijo no chão da viatura.

  5. Natália on

    Histórias que o povo conta!!!
    Têm pessoas que francamente, já me deixaram com vergonha para elas.
    Tem cada papo que da nojo.

    Te amo ZUDO.

  6. kkkarol on

    Faltam sóóó 2 horas… aff.
    E o salário?

  7. acomentarista on

    Ela devia ter denunciado o agressor, parece que ela está com os valores deteriorados mesmo. Nessa sua história ilustra bastante o machismo que a brasileira vive e vê como normal; até apanhar parece coisa normal, ainda mais por um motivo tao absurdo.

    bjs

  8. jorge nobre on

    O feminismo está por baixo na periferia.

  9. Natália on

    Amor eu estou te aguardando!

  10. Caio Marinho. on

    – Vai comigo ou não?
    – É que hoje não rola. Outro dia, tá?
    – Rôôôyuk’n!

    Piada besta.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: