Minha namorada indie e outras histórias

Ela é indie e nem sabia. Mas sempre levou o maior jeito pra coisa. Bonita, branquinha, meiguinha e “falsa-magra”, como chamam. Os cabelos pretos sobre a face alva sempre me causaram aquela impressão cinematográfica de maquilagem. Mas eu vejo em zoom e constato: não há pó de areia ou d’outra coisa. Sem maquilagem. A  franja que eu sempre insisti para que ela deixasse, ela deixou. Linda. E é mais linda que as modelos das fashion week porque não é superficial. Porque sei da beleza que lá dentro mora, digo, habita. Pois, pois. Então eu insisti que ela era índie, mas ela dizia que não. Aí eu disse que compraria um par de tênis All Star pra ela. E brancos, que são mais característicos. Então ela foi lá e comprou os tênis primeiro que eu. Ela é tão prática, sabem? Agora, começou a andar de All Star branco e de blusa listada, só para me impressionar. Aos fins de semana ela ouve, comigo, Black Rebel Motorcycle Club e faz troça de uma música que, segundo seu ouvido afiado, se parece com Quê-co-cê-foi-fazer-lá-mato-Maria-Chiquinha, aquela breguice. Ela faz troça, mas acha bonito e até confunde com a trilha de Cowbe, que ela também adora. Mas eis o que eu queria dizer: ontem, em plena terça-feira (que pra mim é mais dia dos mortos que 02/11), chegou de surpresa em minha casa, sob chuva. Os cabelos presos, os pés molhados, cansada e bela. Foi uma surpresa bem boa. Ela é indie e se parece com uma das Cansei de Ser Sexy. Digo isso e ela faz um gesto, colocando a mão direita sobre a fronte, dizendo: “cansei!”.

Anúncios

13 comments so far

  1. Natália on

    Homenageada e emociona.
    Sabe meu amor, a cada novo texto que vc me escreve com frases tão perfeita, fico totalmente feliz. Feliz por se alvo de palavras bela, feliz por ter a admiração do homem que eu amo, feliz por ter o homem que eu amo.
    Você é muito especial em minha vida, graças ao bom Deus eu tenho você ao meu lado.

    Te amo!

    Sua futura esposa: Natália

  2. Lia on

    Isso que eu chamo de história de amor 🙂

  3. elisabetecunha on

    É tão bom saber que ainda existe um amor assim!
    Seu blog é muito legal!!
    Aparece no meu “encanto” será uma honra!

  4. Michelle on

    Que Bonita!

    [abraços]

  5. Bloom on

    Deus, a garota canta usando uma mochila! Hahaha.

  6. tina oiticica on

    Ah, l’amour. Grande filme de amor: O Acossado. Godard.

    Aproveite enquanto dure. Quando ficar chato, delete.

  7. Lia on

    Olá! Cheguei aqui pq vc está na lista dos 100 blogs mais visitados no WordPress….
    E gostei. Vou te linkar.
    Voltarei sempre!
    🙂

  8. Raquel Moniz on

    É bom sentir que ainda existe sentimentos tão bonitos.

    Desejo-vos toda a felicidade 🙂

  9. amanda on

    franja? parece uma do cansei de ser sexy?
    coitada. voce ta fazendo mal a ela, edd.

    haahahahahaha

  10. Jorge Wagner on

    tirando citar CSS, gostei do texto! rs
    a Luana também é especial assim pra mim! ontem me surpreendi ao vê-la com uma camiseta do Sonic Youth.

  11. Jane Pilla on

    Arrasou no texto de amor!
    Congrat’s!

  12. Ander Atwood on

    eita, há partes do texto que me cativaram bastante. eh engraçado que lembra um pouco eu e minha namorada…gosto do estilo indie, sou um e meu love está se tornando uma menina lindona e cheio de estilo. muito hilário a parte de sua namorada comprar o all-star primeiro.

    lindos.

  13. Caio on

    Cara, entrei neste texto por acaso, mas achei maravilhoso!
    abraço


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: